Unidos da Ponte promove retorno de carnavalescos

Inocentes, Bangu e Ponte estão sem carnavalesco
Guilherme Diniz e Rodrigo Marques. Foto: Divulgação.

A Unidos da Ponte anunciou nesta segunda-feira, 2 de março, o retorno dos carnavalescos Guilherme Diniz e Rodrigo Marques. Eles trabalharam na escola no Carnaval 2019, ajudando na conquista do 10º lugar. A dupla substituirá a Lucas Milato.

Guilherme Diniz conta que eles têm uma forte ligação com a azul e branco de São João de Meriti. “A Ponte é uma escola especial, pois foi aqui que fizemos nosso maior trabalho com a reedição de Oferendas em 2019. Estamos prontos para qualquer missão e vamos com tudo para buscar o título no próximo Carnaval.”

Parceria

Carnavalesco mais jovem a assinar um trabalho na Sapucaí, Guilherme tem em Rodrigo Marques uma parceria de longos anos, com trabalhos de destaque na folia carioca. Juntos passaram por Difícil é o Nome, Acadêmicos do Engenho da Rainha e Unidos de Bangu, além da própria Unidos da Ponte e Acadêmicos do Sossego, no último ano.

O último desfile foi um desafio para os carnavalescos. “Além do nosso trabalho de 2019, que foi bastante elogiado pela crítica, este ano recebemos a missão de finalizar o barracão da Sossego em 19 dias e isso foi mais uma prova do nosso potencial. Agora é começar do zero e colocar a Ponte nas cabeças em 2021.”

Desfile

No Carnaval 2020, a Unidos da Ponte apresentou o enredo Elos da Eternidade, desenvolvido por Lucas Milato. A azul e branco ficou com a 12ª posição da Série A.

Curta facebook.com.br/revistacarnaval.
Siga twitter.com/revistacarnaval.
Acesse instagram.com/revistacarnaval.
Inscreva-se em nosso canal no YouTube.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*