Igor Vianna é o intérprete da Unidos de Bangu para 2020

Igor Vianna é o intérprete da Unidos de Bangu para 2020
Foto: Divulgação.

O microfone principal da Unidos de Bangu tem um novo dono. Igor Vianna será o intérprete da escola no Carnaval 2020. Ex-diretor Musical da vermelho e branco, o cantor retorna a agremiação para  comandar o carro de som. Este ano, ele desfilou pela Alegria da Zona Sul, de onde se despediu na segunda-feira, 15 de abril.

Igor Vianna acumula experiências em escolas do Rio de Janeiro e de São Paulo. Ele já cantou por Tradição, Acadêmicos de Santa Cruz, Acadêmicos do Cubango, Unidos de Padre Miguel, Unidos do Porto da Pedra, Acadêmicos do Tucuruvi, Camisa Verde e Branco e Pérola Negra.

O novo intérprete da Unidos de Bangu conhece bem a agremiação. “Retorno com muita felicidade. É o reencontro com a minha raiz, com a minha região. Parafraseando Lulu Santos, ‘estou voltando para casa’. Espero que seja um casamento feliz e uma parceria duradoura, pois a Unidos de Bangu está em seu melhor momento e é motivo de honrar poder voltar a fazer parte da escola nesta nova etapa.”

Empenho

Filho de Ney Vianna, intérprete que marcou época na Mocidade Independente de Padre Miguel, Igor é cria da Zona Oeste. Confiante, ele espera formar uma parceria perfeita com a comunidade Vermelha e Branca. “Chego para arregaçar as mangas e ajudar a escola com o meu trabalho. Para a comunidade, deixo o recado de que estou muito feliz com este retorno, que vou dar a alma através de minha voz. Gostaria também de deixar um recado especial ao meu irmão Mestre Léo Capoeira e à bateria Caldeirão da Zona Oeste porque estou ansioso por este encontro. Tenho a certeza que seremos muito felizes.”

O intérprete Igor Vianna é a segunda contratação da Unidos de Bangu para o Carnaval 2020. A vermelho e branco já anunciou o retorno dos carnavalescos Guilherme Diniz e Rodrigo Marques, além das renovações do Mestre Léo Capoeira e do casal de mestre-sala e porta-bandeira, Anderson Abreu e Eliza Xavier.

No Carnaval 2019, a Unidos de Bangu ficou com a 8ª colocação da Série A. A vermelho e branco apresentou o enredo Do ventre da Terra, raízes para o mundo, do carnavalesco Alex de Oliveira.

Curta facebook.com.br/revistacarnaval.
Siga twitter.com/revistacarnaval.
Acesse instagram.com/revistacarnaval.
Inscreva-se em nosso canal no YouTube.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*